Skip to content

Dexter 6×01: Those Kinds of Things

29/09/2011

**CONTÉM SPOILERS**


Depois de um season finale um pouco decepcionante, Dexter volta com um episódio morno, pouco promissor e que praticamente desconsidera a temporada anterior.

Eu sei que a cena em que as obras saem do corpo do vendedor de fruta foi MUITO cool, mesmo! E algo que Dexter sempre soube fazer bem foi criar vilões esquisitos com motivações e modus operandi bizarros, e dessa vez não decepcionou. Apesar de termos novamente um serial killer antagonizando Dexter, agora são dois, pai e filho, movidos aparentemente por razões religiosas. Cheguei a pesquisar no Google a citação que os dois fazem na cena final e parece que se trata de um trecho do Apocalipse, cuja interpretação diz ser sobre sete reis romanos que blasfemam contra Deus, mas nada tão claro que permita identificar o que a dupla realmente quer fazer.

Salvo engano, acho que é a primeira vez que a série aborda o tema religioso, mas era super previsível que Dexter não tivesse qualquer relação com o assunto, já que foi criado pelo pai seguindo seus ensinamentos na arte de matar e porque matar. Harry é o verdadeiro Deus de Dexter e as regras que criou, sua bíblia. Foram ótimas as cenas em que ele é questionado pela freira e principalmente aquela em que Batista tenta explicar a importância do ensino religioso, sem sucesso algum. No entanto, soou um pouco repetitivo, principalmente quando a vítima da vez também cita o salvador etc…

Os roteiristas parecem ter ouvido as reclamações dos espectadores e agora trazem Batista e LaGuerta seguindo caminhos separados. Ela continua aquela que faz de tudo pela carreira, como chantagear um superior para ser promovida e depois usar o ex como substituto apenas para manter o controle. E este, protaogonizou a cena mais chata do episódio ao aparecer jantando com a irmã. Espero que isso dê em alguma coisa.

Por fim, Deb ainda namora o Quinn e acho que aquele atirador surgiu em boa hora para impedir o pedido de casamento. Sempre achei que ela merecia alguém bem melhor que ele.
.

Também poderá gostar de:
Dexter 5×12: The Big One
Dexter 5×11: Hop a Freighter
Dexter 5×10: In the Beginning

5 Comentários leave one →
  1. Paulo permalink
    29/09/2011 14:33

    Que que foi aquelas cobras saindo do cara??? Muito foda!!!

  2. 01/10/2011 23:23

    Sabe que eu gostei desse retorno?

    Mesmo com aquela cena ridícula dele dançando e o pai fantasma dando joinha. Vergonha alheia demais!

Trackbacks

  1. Dexter 6×02: Once Upon a Time e 6×03: Smokey and the Bandit « Melhores Coisas
  2. Dexter 6×04: A Horse of a Different Color « Melhores Coisas
  3. Dexter 6×05: The Angel of Death e 6×06: Just Let Go « Melhores Coisas

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: