Skip to content

True Blood 4×09: Let’s Get Out of Here

24/08/2011

**CONTÉM SPOILERS**


Mais um episódio morno. E True Blood que era uma série que fazia um retrato da cultura de uma região pitoresca dos EUA, utilizando vampiros, seres misteriosos, violentos e ultra sexualizados saindo do armário caixão para o mundo e gerando revolta e preconceito dos mais tradicionais e aversos a diferenças, agora é sobre uns médiuns super sem graça e com histórias chupadas de filmes de terror ruins.

Eu gosto de histórias de espíritos inquietos, possuindo gente, se vingando etc… Esse não é o problema. A questão é que, além de não combinar com a série, o mistério envolvendo a mulher negra não era interessante, e ainda foi resolvido de forma nada orgânica e rápida. Sem falar que desperdiçou algo que poderia ser melhor, com o bebê sendo atormentado de fato pelo espírito do Rene ou então ele sendo de fato uma espécie de Damien. Do jeito que ficou, a única cena que valeu a pena foi Jason perguntando ao Jesus se quando eles “brincam”, Lafayette finge ser uma mulher chamada Mavis.

A história das Bruxas também decepcionou. No início tudo parecia promissor, quando elas eram Wicca e ficavam ressuscitando os animais. Agora, as bruxas também parecem médiuns e a trama virou uma briga pessoal de uma delas contra todos eles. Apesar do bom trabalho da Fiona Shaw e da Tara ter feito algum sentido, até agora, nada convenceu muito por aqui.

Presenciamos também o momento de maior vergonha alheia da temporada depois de Sookie no mundo das fadas/duendes lá no início da premiere. Aqui, novamente a moça protagoniza um sonho ridículo só pra mostrar que agora está um pouco mais dividida entre Eric e Bill só porque bebeu o sangue do segundo. Parece que perceberam que o suposto protagonista tinha sido jogado para escanteio e o trouxeram de volta a briga. O casal Eric e Sookie ficou tão sonolento e cafona que até gosto da ideia de vê-la pegando alguém que não chore de 5 em 5 minutos.

E ainda teve o núcleo família feliz abalada por ex-marido violento. Se não fosse um irmão se transformando em outro, podia jurar que o Alan Ball tinha tirado essa história de algum episódio ruim de Law & Order: SVU.
.

Também poderá gostar de:
True Blood 4×08: Spellbound
True Blood 4×07: Cold, Grey Light of Dawn
True Blood 4×06: I Wish I Was the Moon

3 Comentários leave one →
  1. 25/08/2011 20:03

    Que lixo esses espíritos em True Blood! Primeiro foi a bruxa reencarnando e agora essa mulher chatona! Episódio ruim.

Trackbacks

  1. True Blood 4×11: Soul of Fire « Melhores Coisas
  2. True Blood 4×12: And When I Die « Melhores Coisas

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: