Skip to content

Shameless 1×08: It’s Time to Kill the Turtle e 1×09: But at Last Came a Knock

15/03/2011

**CONTÉM SPOILERS**

.
Com certeza os irmãos Gallagher não tiveram sorte com os pais que o destino lhes concedeu. Se Frank já havia sido apresentado como a pessoa mais imbecil, irresponsável e gananciosa que se tem notícia, agora passamos a conhecer um pouco a dona dos óvulos que geraram Fiona e cia.

No capítulo 8, a pequena Deb foi a primeira a chegar a conclusão de que era melhor matar a tartaruga antes que ela morresse de vez. Foi de uma ironia sem tamanho e uma cena que jamais pensei em ver aqui: os próprios filhos enfiando álcool goela abaixo do pai alcóolatra, interrompendo as duas semanas em que ele fingia ser um bom progenitor para ganhar 3000 dólares. E não teve como não concordar que essa foi mesmo a melhor atitude.

Deb também descobriu a verdadeira identidade de Steve aka Jimmy, um filho da classe super abastada de Chicago, que prefere ficar roubando carros a enfrentar a família e dizer que não quer ser médico. Julgamentos morais à parte, o amor dele por Fiona sempre foi notável e a casa que ele comprou (provavelmente com o dinheiro da família que ele engana) prova isso. Só achei que ela aceitou rápido demais, principalmente depois do que vimos a moça rejeitar em capítulos anteriores.

No capítulo 9, fomos finalmente apresentados a matriarca da família Gallagher, uma mulher que abandonou os 6 filhos para ir viver com outra e culpa o marido pela fuga. Ainda é cedo para dizer como era a relação entre Frank e Monica, mas acredito que ela tenha tido motivos de sobra para largar o marido, mas não os filhos. Além disso, ela mostrou uma grande dose de cinismo quando questionada sobre não ter levado as crianças consigo: “Porque sabia que ficariam bem com Fiona”. Perto dela, Frank até se tornou uma pessoa mais aceitável, mas isso é apenas questão de referencial.

Com esse retorno, Fiona é mesmo a personagem que fica mais confusa. Era velha o suficiente para conhecer bastante a mãe quando esta se foi, depois foi obrigada a tomar o seu lugar, assumindo a maternidade de 5 irmãos mais novos e todos os deveres para se manter uma casa como aquela sem a ajuda do pai. Agora, vê tudo sendo um pouco desvalorizado e ameaçado, como a tentativa de tomar Liam e os irmãos menores aceitando a mãe de volta. Foi um confronto entre mãe e filhos extremamente bem construído, algo até surpreendente para uma série quase sempre super descolada.

Nesses dois últimos episódios, passamos a conhecer também mais um personagem desajustado dessa série. Mesmo com a enorme canalhice de Kevin e Veronica em querer adotar uma criança só para ficar com o dinheiro da bolsa-auxílio, eles não esperavam que surgisse justamente uma menina de 13 anos, vinda de uma seita religiosa bizarra e que já tem um filho bebê. Sei que muitos podem achar isso tudo um pouco demais, mas eu entendo que o objetivo dessa série é ser estranha mesmo, fugir de tudo que possa ser considerado normal. Por isso, me diverti muito assistindo ao choque cultural do casal com essa nova “filha” e agora também um “neto”.
.

Também poderá gostar de:
Shameless 1×07: Frank Gallagher: Loving Husband, Devoted Father

No comments yet

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: