Skip to content

Comentários em série

10/12/2010

**CONTÉM SPOILERS**


Glee – 2.10: A Very Glee Christmas

Alguns podem ter achado esse conto de Natal em Glee um pouco idiota, mas eu achei bem bonito. Disse aqui semana passada que Artie e Brittany caminhavam para ser o melhor casal da série e isso só se confirmou essa semana. Foi lindo ver o empenho dele em manter a mentira para a namorada a fim de preservar a ingenuidade da garota e também a ajuda de todo o grupo, fazendo seus pedidos sentados no colo do Papai Noel. Ao mesmo tempo, adorei saber que o maior desejo da vida dela era a possibilidade de vê-lo caminhar e conseguiu, ainda que não naturalmente. No fim, o milagre de Natal se deveu a Beiste, que ficou emocionada com a história e se tornou o bom velhinho, literalmente. Até o draminha de Finn e Rachel foi legal porque se aproximou da realidade, e não ficou num vai-e-volta sem fim. E o que dizer da Sue vestida de Grinch? Adorei a homenagem a esse personagem e morri de rir com ela roubando o Natal e enganado a Brittany, devidamente vestida como os habitantes de Whoville. Talvez se fosse em outro episódio, eu poderia achar aquela redenção da Sue meio forçada, mas aqui eu entrei no clima totalmente e achei tudo muito bonito. A overdose de músicas natalinas cansou um pouco, mas nada que tirasse a experiência de assistir uma história de Natal simples e despretensiosa como essa. Glee novamente surpreende e espero que continue acertando.

.

.

How I Met Your Mother – 6.11: The Mermaid Theory

E sexta temporada vai mais uma vez se confirmando melhor do que a anterior. De cara já gostei quando o Marshall desvenda o segredo por trás do rosto assustador do Capitão e diz que ele odeia o fato de amar os Jonas Brothers. Depois veio mais uma teoria maluca e divertida da série, mas que na verdade faz muito sentido. Adorei a métafora da sereia e do peixe-boi para as pessoas que, de uma hora para a outra, se tornam atraentes. E isso acontece tanto que muitas vezes a gente nem percebe que aquela pessoa linda era considerada feia quando a conhecemos. Morri de rir com a Robin virando sereia e desvirando depois de um vômito. Nada como um coisa nojenta pra fazer qualquer um voltar a ser peixe-boi. Gostei também daquela confusão mental do Ted, que resultou numa história esquisita, mas que fez sentido no final. E ainda rendeu o Barney chorando como uma mulher e uma prévia da Lily grávida. A parte do Ted no barco, no entanto, foi a menos engraçada. Estava bem claro que aquilo tudo era paranoia e sentimento de culpa e que o Capitão nunca havia planejado matá-lo. Além disso, as caras e bocas dele não convencem muito. Pelo menos, espero que esse futuro rolo entre ele e Zoey seja interessante, já que estão preparando tudo desde o início da temporada.

No comments yet

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: