Skip to content

True Blood: Hitting the Ground

19/08/2010

**COM SPOILERS**


Depois de ter sido apagada pela Tara e por quase todo o elenco de True Blood, eis que Sookie Stackhouse teve o seu grande momento nesse sétimo episódio. Não ficou claro o que ela é de verdade, mas descobrimos que a personagem não tem tipo sanguíneo e foi legal vê-la dando uma voltinha no seu mundo de origem ou coisa do tipo. O lugar mais parece aquele céu da novela A Viagem, porém,  aditivado com umas bebidinhas e com a lagoa mágica emprestada de Lost.

Não dá para saber se, de fato, a Sookie é uma daquelas fadas dançando, quem deve saber mesmo é o Bill, que adivinhou até como fazer para curá-la do coma, e como se sabe, já a conhecia quando foi procurá-la em Bon Temps. Falando nele, a sequência inicial em que Sookie consegue resgatá-lo e ainda mata a chata da Lorena teve mais vigor do que os 4 primeiros episódios juntos. E ainda tivemos o Coot (depois de soltar um “burrito de vampiro”) morrendo pelas mãos do Alcide. Não sentirei por nenhum dos dois.

Esses lobisomens, aliás, eram para ser a grande novidade da temporada, mas terminaram por ser a pior coisa, não é à toa que estão sumindo. Só ficou o Alcide e aquela namorada mala, que também devem desaparecer em breve.

Deram continuidade àquela história do Jason tentando ajudar a loirinha que é mal-tratada pelo marido, e se não fossem algumas falas ótimas (“Nunca achei que eu fosse inteligente o suficiente para entrar em depressão.”) ficaria igualzinho a um procedural drama ou um Law & Order da vida. Pelo menos o afastaram disso tudo ao jogarem-no junto com o  Lafayette no hospital com a Sookie, e fazendo cara de perdido ao ser abordado pela enfermeira.

Jessica e Arlene sumiram completamente, tenho uma pena sem tamanho, principalmente pela primeira, que era uma personagem ótima e sua descoberta de como ser vampira sempre rendeu boas cenas. Mas com o ressurgimento do Hoyt e sua nova namorada, parece que vão ter mais destaque nos próximos. Já o Sam, prefiro nem comentar, pois as cenas foram as mais previsíveis e monótonas possíveis.

E o casamento do Rei e da Rainha pode não ser nada interessante, mas pelo menos teve o momento cool do corte de cabeça e confesso que estou curioso para saber como o Eric vai fazer para vingar a morte dos pais e pegar a coroa de volta.

Comentem!

No comments yet

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: