Skip to content

Comentários em série

21/06/2010

**CONTÉM SPOILERS**


Drop Dead Diva – 2.02: Back From the Dead

Depois de uma estreia ótima, a segunda temporada trouxe um capítulo mediano mas ainda assim eficiente. O caso da semana, como sempre, caiu um pouco na pieguice, mas pelo menos não terminou em mais uma vitória da Jane, e sim com um desfecho plausível e realista. Muito divertida foi a cena do restaurante, embora fosse previsível que aquilo não era, de fato, um encontro. E achei meio over a Jane ficar vislumbrando a Debbie, mas gostei da abordagem dada ao aniversário da personagem, com uma cena final bonita mostrando a protagonista assistindo aos seus amigos reunidos alí para celebrá-la.

.

Persons Unknown – 1.02: The Edge

Persons Unknown foi outra que também veio com um capítulo mais fraco. Na verdade, praticamente nada aconteceu e não foi dada nenhuma pista ou qualquer outro elemento ao mistério foi adicionado. O cliffhanger deixado só foi utilizado no fim e ainda concluído de forma boba e nada surpreendente, ou alguém achava que um protagonista iria matar o outro? Aliás, um grande problema dessa série é justamente a falta de bons e carismáticos personagens, incluindo aqueles jornalistas com os quais eu, particularmente, não me importo. O roteiro também é falho e não aproveita nem o pouco que propôe, como no momento em que os personagens se dividem para explorar o lugar e, novamente, nada acontece (tirando a cena inútil em que as moças escolhem roupas). Ainda assim, quero saber o ver o que vai acontecer pois acho que a série tem potencial.

.

Gravity – 1.01 e 1.02

Gravity na verdade já está no seu oitavo episódio lá nos EUA, mas eu só fiquei sabendo de sua existência semana passada, quando vi o trailer. A série é uma dramédia que gira em torno de um grupo de ajuda para pessoas que tentaram se matar e não conseguiram, ou seja, tiveram uma segunda chance. A história tem um tom melancólico interessante e personagens bem construídos. Nos dois primeiros capítulos, houve um foco maior em apenas três deles, mas acho que aos poucos vão mostrando mais dos outros integrantes do grupo. O elenco, em geral, é bem eficiente, com destaque para a atriz que faz a Lilly Champagne, e a trilha sonora também é ótima. A série precisa de um pouco de ritmo, seus trinta minutos parecem bem mais. Mesmo assim fiquei curioso e vou continuar acompanhando para ver no que dá.

Comentem!

No comments yet

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: